Cookies on Plantwise Knowledge Bank

Like most websites we use cookies. This is to ensure that we give you the best experience possible.

 

Continuing to use www.plantwise.org/KnowledgeBank means you agree to our use of cookies. If you would like to, you can learn more about the cookies we use.

Plantwise Knowledge Bank

Your search results

GUIA DE MANEJO DE PRAGAS: LISTA VERDE

Broca do café

Hypothenemus hampei
  • A broca do café causa grandes danos em grandes plantações já estabelecidas onde as práticas culturais são raras ou inexistentes. As práticas a seguir são importantes para reduzir os danos:
  • Use a mesma variedade
  • As plantações de café muito sombreadas favorecem a proliferação da broca. Podar as árvores de sombreamento e o cafezal evitam condições de sombra excessivas
  • Evite a movimentação de frutos infestados em áreas livres da broca do café
  • Mantenha cobertura morta e palhada sobre o solo
  • Adubação balanceada
  • Controle de daninhas
  • Colheita antecipada (o mais breve possível)
  • Após a colheita recolher manualmente todos os frutos que restam nas plantas (especialmente nos galhos inferiores) ou que estejam no solo. Enterrar o material a pelo menos 50 cm de profundidade ou ferva os frutos se a infestação estiver muito alta.
  • Elimine plantações de café abandonadas ou improdutivas
  • Monitorar os frutos em desenvolvimento, semanalmente, a partir da oitava semana após o florescimento. Dividir a área em talhões de até 5 ha. Coletar 100 frutos por planta de 20 plantas por talhão. Cortar os frutos ao meio e procurar por ovos, larvas, ninfas e adultos. Amostrar e monitorar os frutos caídos também.
  • Para monitorar os níveis populacionais de adultos, armar 20 armadilhas isca/ha durante 3 meses no início das chuvas. Veja a descrição da técnica na seção de controle direto
  • Adultos são besouros negros. A fêmea possui entre 1,4-1,6 mm de comprimento por 1 mm de largura. Os machos são bem menores. Larvas são brancas, com cabeça negra e não possum pernas.
  • A fêmea perfura ao redor do ápice e as perfurações se aprofundam em direção ao centro das galerias de formação de sementes. Se as perfurações formam crostas, estão marrons ou podres, isso significa que as larvas estão protegidas dentro das sementes
  • Tome medidas de controle se o nível de infestação alcançar 5%
  • Use armadilhas isca (16/ha) para capturar os adultos após as primeiras chuvas ou entre o período de colheita (quando a broca do café está emergindo e há poucos frutos disponíveis). Encha as armadilhas (garrafas plásticas com duas aberturas) até o meio com a solução isca (1:1 etanol:metanol) e distribua entre as plantas na altura de 1,5 m. Confira a cada 5 dias.
  • Fumigue a plantação com solução contendo 1kg/ha de fungo Beauveria bassiana, quando a broca do café começar a atacar os frutos (8 semanas após o florescimento)
  • Colete os frutos maduros e secos a cada duas semanas para remover os sítios reprodutivos da praga
  • Se disponível, promova a liberação de parasitóides como Cephalonomia stephanoderis ou Prorops nasuta

CRIADO/ATUALIZADO: Março de 2017
PRODUZIDO POR: Plantwise

©CAB International. Published under a CC-BY-SA 4.0 licence.